BIOMETRIA: Salvador recebe mais pontos para realização do recadastramento biométrico

Desde fevereiro desse ano, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), realiza convocação para o recadastramento biométrico para as eleições de 2018. O novo sistema tem como objetivo de oferecer mais segurança ao processo eleitoral.

Em Salvador, uma das cidades que o serviço é obrigatório, a população ganhou mais unidades para a realização do recadastramento biométrico. As Prefeituras-Bairro do Cabula e da Barra/Pituba passam a realizar o atendimento em seis guichês, em cada uma das unidades, após agendamento prévio que deve ser realizado no site do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE).

A expectativa do diretor-geral das Prefeituras-Bairro , Júnior Magalhães, é que, até dezembro, 500 mil pessoas tenham realizado o recadastramento biométrico obrigatório nas unidades municipais nessa parceria com a Justiça Eleitoral.

“Tem sido um grande serviço prestado à cidade, pois seria muito difícil para a população carente sair de seus bairros para fazer o recadastramento”, afirmou o diretor.

O serviço é obrigatório em Salvador e em outras 51 cidades baianas e deve ser feito pelo eleitor até o dia 31 de janeiro de 2018. Caso contrário, o eleitor poderá ter o título cancelado. Ao todo, 1,9 milhão de pessoas precisam realizar esse procedimento em Salvador.

Em Salvador, é possível realizar o recadastramento  em 41 guichês de atendimento para recadastramento em sete Prefeituras-Bairro (Cabula, Pituba/Barra, Subúrbio, Cidade Baixa, Pau da Lima, Valéria e Itapuã), nos postos do SAC (Comércio, Cajazeiras, Periperi e Shopping Barra) e nos guichês do TRE, localizado no Centro Administrativo (CAB).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *