Motorista da Uber é morto a tiros dentro de casa em Cajazeiras VI

O motorista da Uber Piettro Vittorio Oliveira Belinelli, 30 anos, foi morto a tiros na madrugada desta quarta-feira (25), depois de ter a casa invadida por homens armados na Rua Engenheiro André Rebouças, em Cajazeiras VI.

De acordo com familiares da vítima, três homens armados invadiram a casa onde Piettro morava com os pais por volta de 1h. Ainda de acordo com a família, os suspeitos arrombaram a porta do imóvel à procura da vítima, que estava dormindo em um dos quartos da residência.

Segundo relatos dos familiares, os pais de Piettro chegaram a entrar em luta corporal com os bandidos enquanto o motorista era executado. O pai da vítima, que tem sequelas de um AVC, ficou com arranhões nas costas depois de tentar impedir o crime.

O motorista levou pelo menos seis tiros. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local, mas Pietrro não resistiu aos ferimentos.

“Não sabemos ainda o que aconteceu. Ele não tinha dívidas e não era envolvido com nada. Está todo mundo em choque e o pai de Piettro não come e só sabe chorar”, disse uma das tias do motorista que esteve na manhã desta quarta-feira (25) no Instituto Médico Legal Nina Rodrigues para fazer a liberação do corpo do sobrinho.

A PM informou, em nota, que quando a viatura chegou, uma equipe do Samu estava no local. A PM acionou o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) e permaneceu no local até a remoção do corpo.

A Uber confirmou se tratar de motorista cadastrado na empresa mas informou que não se posicionará sobre o crime.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *